Quinta-feira, 21 de Janeiro de 2010

ABRAÇADA A MIM...

 

 

 

Na escuridão…

Mergulho

Abraçada a mim mesma

Tremo de emoção

Seca-me a garganta e,

Receosa

Aguardo em silêncio…

 

Sei o quanto te quero

Sei o quanto te amo

Mas, nesta noite negra

Para matar a minha sede

Bebo das minhas próprias lágrimas…

 

E a dor sufoca-me

As tuas palavras ecoam gritantes

No meu cérebro

O medo apodera-se de mim

Aperta-me o peito

Esmagado, desfeito…

 

Já a meu lado,

Secas-me o rosto

Com teus beijos ternos

E o soluço,

Após a máxima convulsão,

Vai acalmando

“Sabes como te amo”

- sussurras com doçura

 

Um arrepio de frio gélido

Que percorre todo o meu corpo

Desvanece-se no calor ardente

Dos teus braços

No entrelaçar das tuas pernas

Nas minhas coxas

“Também te amo muito, tu sabes…”

E,

Noite dentro,

Adormecemos um no outro

Uma vez mais…

 

publicado por MIGUXA às 19:11
link do post | comentar | favorito
|
29 comentários:
De Rosinda a 21 de Janeiro de 2010 às 21:16
Miguxa... se alguém disser que ama ou amou e nunca chorou ou teve medo... está a mentir.
O amor doi muitas vezes...
Beijinhos
De MIGUXA a 22 de Janeiro de 2010 às 17:21
Rosinda,

É verdade amiga, só quem nao experimentou o verddeiro amor, poderá afirmar que nunca sofreu ou chorou por ele...

Beijinhos ternos
Margarida
De Caminhando... a 21 de Janeiro de 2010 às 23:11
Olá Margarida!

E é com a dor proveniente doamor que lhe damos o devido valor!

Um beijinho grande e é bom sentir-te bem amparada.
De MIGUXA a 22 de Janeiro de 2010 às 17:24
Minha doce Joana,

Tens toda a razão, já que são os momentos dificeis que nos fortalecem o sentimento.

Um doce fim de semana, cheio de , no teu coração de oiro.

Beijinhos ternos
Tua amiga de sempre
Margarida
De jangadadecanela a 22 de Janeiro de 2010 às 15:30
olá Margarida

tortuosos sao os caminhos da paixão
subimos escarpas de prazer
caimos nos penhascos da tormenta
mas tudo isto o amor enfrenta...

um abraço
Luís
De MIGUXA a 22 de Janeiro de 2010 às 17:29
Luis,

Meu doce poeta e amigo,

Sábias as tuas palavras, reconheço a tua razão e agradeço o carinho.

Já tenho a jóia comigo.

Xi-kor e óptimo fim de semana
Margarida

De comunicadoras a 22 de Janeiro de 2010 às 17:37
Nada melhor do que os braços da pessoa amada e as suas palavras para nos dissipar os medos e nos acalmar. A vida é sofrida, o amor é bom, mas muitas vezes é doído; ele faz parte da vida, caminha junto e portanto tem altos e baixos; dá-nos momentos maravilhosos, outros porém
dolorosos; mas é assim a vida, é assim o amor, são assim os outros sentimentos, as emoções; somos assim nós, os seres humanos...complexos como o amor e a vida.. Um beijinho e que tenhas um bom fim de semana
Emília
De MIGUXA a 22 de Janeiro de 2010 às 18:18
Emília

Minha querida amiga,

São a verdade as tuas palavras...Como daríamos valor às coisas boas se nada de menos bom acontecesse nesta nossa longa caminhada...

Obrigada pela tua amizade sempre presente.

Óptimo fim de semana
Beijos ternos
Margarida
De eternoerrante a 22 de Janeiro de 2010 às 17:41
Querida Amiga...penso que ...confessar o que nos aflige, e o que nos causa mágoa. Faz-nos sentir perto, tão perto de pensar em tudo o que somos, e em tudo o que nos une – mil vezes maior do que o que nos separa.

Tanto que poderia nunca ter acontecido mas aconteceu…. E de tudo, estes momentos, o que de melhor em nossas vidas, ficou... perpetuamente! Gestos, murmúrios, silêncios que pertenciam à imaginação e não à realidade, são agora o que vos une, a cada segundo, que fogem e se procuram... e e se encontram, encontrando-se.

Beijinho amig aum sorriso e doce noite deste sempre amigo rui
De MIGUXA a 22 de Janeiro de 2010 às 18:25
Rui,

Meu amigo do coração,

Falas, sabendo...
Dizes, tendo já sentido...
Sentes e sei, porque há algo que me diz, não mentes...

É bom ter-te encontrado, és um amigo de corpo inteiro, assim o sinto e faço questão que o saibas

Para ti, desejo o melhor do mundo!!!

Sê feliz!

Beijos ternos
Tua Amiga para sempre
Margarida
De ♥ Flor Cintilante ♥ a 22 de Janeiro de 2010 às 21:32
"E noite dentro, adormecemos um no outro uma vez mais"

Lindo o amor que proclamas aos sete ventos, confesso que me arrepiei a ler este teu post,principalmente nesta frase

[ O medo apodera-se de mim
Aperta-me o peito
Esmagado, desfeito…

Já a meu lado,
Secas-me o rosto
Com teus beijos ternos

E o soluço,
Após a máxima convulsão,
Vai acalmando

“Sabes como te amo”]Amei amiguxa e mesmo sem a tua permissão...vou levar cmg.

Beijinho cintilante***abraçado a ti

De MIGUXA a 23 de Janeiro de 2010 às 01:20
Doce Flor,

Fico feliz pela tuas palavras ternas e agradeço do coração o teu carinho, querida amiga.

Sabes que podes sempre levar tenho o maior prazer nisso.

Noite de sonhos lindos com o teu amor
Um beijo repenicado no teu coração
Tua amiga que te adora
Margarida
De Sindarin a 22 de Janeiro de 2010 às 22:44
Olá amiga! Paixão no seu estado de profunda exaltação. Lindo! Bjs bfsemana.
De MIGUXA a 23 de Janeiro de 2010 às 01:23
Sindarin,

Doce amiga,

Agradeço com um beijo terno a tua presença e palavras carinhosas.

Óptimo fim de semana para ti também.

Margarida
De green.eyes a 22 de Janeiro de 2010 às 23:35
Olá Miguxa

Amei o teu texto ... só quem já amou de verdade sabe o que é sofrer de amor ... não há amor sem dor ... não há dor sem amor...

E o pior de tudo é ter que sofer em silencio ...

Beijinhos
De MIGUXA a 23 de Janeiro de 2010 às 01:29
Olá Green,

Querida amiga,

Concordo plenamente contigo, é preciso amar de verdade para ter a percepção da dor que esse sentimento magnífico pode provocar...

Beijos doces

Margarida
De Fisga a 23 de Janeiro de 2010 às 09:40
OLÁ MINHA QUERIDA E DOCE AMIGA MARGARIDA. ESTE SEU AMIGO, QUE AGORA NÃO PASSA DE UM FORASTEIRO DO ACASO, PORQUE SÓ APARECE DE TEMPO A TEMPO, VEIO HOJE DELEITAR-SE NO PRAZER DE LER MAIS UM BELO HINO AO AMOR. PARABÉNS, ESTÁ FAVOLÁSTICO. O MÁXIMO. EU ADICIONEI. OBRIGADO. UM BOM RESTO DE FIM DE SEMANA. COM O MEU BEIJINHO CHEIO DE TERNURA. EDUARDO.
De MIGUXA a 25 de Janeiro de 2010 às 16:51
Eduardo,

Querido amigo,

Sei que não pode abusar do PC, por isso o facto de me visitar de tempos a tempos é já para mim uma alegria, deixa-me feliz, saber que apesar de tudo se lembra dsta sua amiga. Agradeço do coração as palavras sempre doces e desejo-lhe todo o bem do mundo.

Beijinhos carinhosos
Sua Amiga que o estima muito
Margarida
De Fisga a 27 de Janeiro de 2010 às 19:08
Olá minha querida e doce amiga. Margarida. Obrigado pelo seu carinho, e simpatia tão evidentes. Como poderia eu não ser assim. Para uma pessoa que deita amizade e carinho, por todos os poros? Eu agora tenho andado um pouco atrapalhado, da vista, por causa da diabetes, mas cá vou indo, pois é a lei da vida. Tudo começa por um princípio, e acaba por um fim. E eu sou apenas igual a toda a gente. Obrigado pela sua compreensão. Aceite o meu beijinho de carinho e amizade sincera. Eduardo.
De eternoerrante a 24 de Janeiro de 2010 às 13:45
Este fim de semana vi um campo cheio de flores silvestres, uma explosão de cores e vida. Lembrei-me de ti por causa das Margaridas e em pensamento ofereci-te este boquet enorme...com carinho e Amizade bom Domingo amiga.
De MIGUXA a 25 de Janeiro de 2010 às 17:05
Rui,

Essa tua disponibilidade para te encontrares com a natureza, define muito bem o teu caracter sensível e amante da beleza que nos rodeia.
Quando estou mais tristonha, não há como um belo passeio, observando o que nos é dado ver, os campos, as montanhas, o céu, o mar , o sol, as aves...e, penso que afinal há tanta maravilha pela qual devemos continuar...

Adoro flores, lembraste-te de mim, obrigada do coração...

Tenho-as numa jarra, continuam lindas...
O teu carinho guardo-o bem junto a mim

Doce dia, Xi-Kor enorme
Tua Amiga que não te esquece
Margarida

Comentar post

Visitas

Contador de visitas
Besucherzähler
Contador de visitas

My music

blogs SAPO

arquivos

Abril 2016

Abril 2013

Março 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Agosto 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

posts recentes

SORRI...

Flutuo...

Minha Seara Madura

Abraçada a mim...

Na penumbra

Doce inveja

Silêncio...

Sede

Frutos de Verão

FELIZ ANO NOVO

tags

todas as tags