Segunda-feira, 16 de Maio de 2011

Vem amar

 

 

De tanto te querer me perco

 

De tanto me quereres te sinto perdido

 

Viver só faz sentido contigo bem perto

 

Morro um pouco por cada momento esquecido

 

 

Vem, enlaça teu corpo no meu

 

Não deixes que o tempo nos consuma

 

Amar perdidamente é teu destino, é o meu

 

E a vida é só uma...

 

 

 

publicado por MIGUXA às 03:09
link do post | comentar | favorito
|
28 comentários:
De Fátima Soares a 16 de Maio de 2011 às 14:21
Doce e querida amiga que maravilhoso sentir. É assim que também vejo o amor o dar e o receber como destino perpétuo, como graça de Deus, com verdadeira entrega e dedicação. Deus te abençoe minha amiga a ti e aos teus entes queridos e vos faça partilhar o amor, por muitos e longos anos em que cada dia seja repleto de felicidade e de realização. Que te traga tudo o que ambicionas e vos proteja m todos os dias da vossa vida. Desta tua amiga que gosta muito e ti e jamais te esquece. Estás no meu coração! Feliz semana .
De MIGUXA a 16 de Maio de 2011 às 15:41
Fátima,

Doce e querida amiga,

És insuperável na tua dedicação que farei tudo para nunca desmerecer...São sempre estimulantes e ternas as tuas palavras e esse teu jeito faz-me tão bem...Faz-me esquecer aqueles que se lembram de nós apenas quando precisam e me deixam um vazio imenso, e magoam....
Tu estás sempre presente...
Obrigada por existires na minha vida

Beijinhos mil para ti e todos os que amas
As melhoras do fundo do coração
Tua amiga que não te esquece e te deseja todo o bem do mundo
Margarida
De M.Luísa Adães a 16 de Maio de 2011 às 15:44
E podes dizer :

Aqui está minha vida!...

Maria Luísa
De MIGUXA a 17 de Maio de 2011 às 15:52
Tens razão minha Amiga, pode resumir-se a este amor que dou e recebo e temo me possa faltar...
Tudo o resto são motivos de somenos importância...

Agradeço a tua visita e te desejo todo o bem do mundo,
sempre junto dos que amas.

Beijos com carinho
Margarida
De Rosinda a 16 de Maio de 2011 às 17:27
Lembrei uma canção antiga de que não sei o nome mas que dizia assim:
"Vem, que o tempo pode afastar nós dois...
Não deixes tanta vida p´ra depois.."
Cada momento, cada dia e por longos anos, te desejo a felicidade.
Beijinho
Rosinda
De MIGUXA a 17 de Maio de 2011 às 15:55
Rosinda,

Doce amiga,

conheço perfeitamente a canção, é linda e, tens razão identifico-me com a letra.

Fico feliz por merecer o teu carinho que devolvo e agradeço do fundo do coração.

Beijinhos com ternura
Margarida
De cuidandodemim a 17 de Maio de 2011 às 13:52
Olá Margarida.
É já característico este teu querer tão apaixonado, este não querer perder tempo, esta sede de amor :) Gosto sempre de ler sentimentos assim.
Bjns
De MIGUXA a 17 de Maio de 2011 às 16:04
Miguinha,

Tenho de facto uma ansiedade permanente no que se refere à possibilidade de me faltar a única riqueza que me foi proporcionada e que valorizo muito...
Daí que todo o tempo é pouco para amar...
Não vale a pena perder tempo com assuntos materiais que não passam disso mesmo e tão perecíveis...

Tudo de bom para ti minha querida
Beijinhos ternos
Margarida
De jangadadecanela a 17 de Maio de 2011 às 15:50
Olá Margarida,

Leio-te e solto as palavras...

Que estranha forma esta de sofrer
Por quem me toma este querer?

Leva-me a alma em cativeiro,
O coração por inteiro,
O corpo subjugado.
A Amor perpetuo, condenado.

Que estranha forma esta de sofrer
Por quem me toma este querer?
Por certo já me tomou
Eu que sem ti, não sei quem sou.


um abraço
Luís
De MIGUXA a 17 de Maio de 2011 às 16:15
Olá Luís,

Meu doce poeta,

Não calculas como me deixas feliz

São lindas as tuas palavras que me tocam profundamente e agradeço do coração...

És uma alma sensível que muito admiro e ler-te faz-me bem...

Deixaste o teu blog vazio há tanto tempo, motivo de solidão para os teus leitores

As maiores felicidades para ti e os que amas.

Beijo e xi-kor bem apertado
Margarida

De jangadadecanela a 17 de Maio de 2011 às 23:03
olá Margarida

Falta-me o tempo e a energia... nada me daria mais prazer que retomar a escrita de forma consistente...

até lá... solto umas palvras aqui e ali...

obrigado pelo carinho
Luís
De MIGUXA a 18 de Maio de 2011 às 01:25
De Anónimo a 17 de Maio de 2011 às 23:11
A vida é só uma e passa num instante; devemos aproveitá-la amando o mais possivel e curtindo as amizades, nem que seja dizer um simples olá e deixando um beijinho. às vezes andamos com pouca vontade de escrever, de falar e vai.se adiando esses pequenos gestos; è o que tenho feito ultimamente, mas os amigos sabem que não é por mal e lá estão eles batendo à minha porta e dizendo que estão com saudades. Como é bom isso, Margarida! Sabermos que os amigos mesmo virtuais sentem a nossa falta. é muito gratificante! Muito obrigada pelo cuidado, Margarida. Prometo que não estarei tanto tempo ausente Muitos beijinhos e até breve.
Emília
De MIGUXA a 18 de Maio de 2011 às 01:34
Querida Emília,

Agradeço do coração a visita, deixas-me feliz com a tua presença carinhosa.
Compreendo as tuas razões sejam elas quais forem, tens direito à tua ausência...todos temos os nossos momentos de retiro.

Desejo que tudo o que te atormenta se dissipe breve.
Beijinhos mil e, se puderes, não me deixes de visitar, preciso de ti!

Tua amiga que te quer bem
Margarida
De comunicadoraspt@hotmail.com a 17 de Maio de 2011 às 23:23
Oi Miguxa. Penso que o meu comentário foi como anonimo. Desculpa, mas distraí-me. Beijos
Emília
De MIGUXA a 18 de Maio de 2011 às 01:35
Tudo bem minha querida
Beijos
De M.Luísa Adães a 19 de Maio de 2011 às 17:37
"Não deixes que o tempo nos consuma"

Andemos pela terra novamente
E deixemos entrar os reflexos do Presente
E vamos estar ao mesmo tempo

longe e perto
Sempre...

Maria luísa

De MIGUXA a 19 de Maio de 2011 às 18:23
Minha querida Maria Luísa,

Gosto sempre de te ler, agradeço do coração a tua visita

Beijos com carinho
Margarida
De Caminhando... a 19 de Maio de 2011 às 23:50
Amiga Margarida,

E é com amor que realmente se vive não é? Sem ele será que vivemos, ou a pensas existimos?

Que continues a amar e consequentemente a viver da melhor e mais sentida maneira.

Beijinhos
De MIGUXA a 19 de Maio de 2011 às 23:57
Doce Joana,

Minha querida amiga sem amor nada faz sentido...

Já sentia saudades dos teus mimos.

Tudo de bom para ti e os que amas
Beijinhos ternos
Tua velha amiga que te adora
Margarida
De Fátima Soares a 23 de Maio de 2011 às 11:40
Olá minha querida vim trazer-te o meu beijinho de início de semna e desejar-te o melhor do mundo. Um xi- desta tua amiga que te quer muito bem. Bjs
De MIGUXA a 24 de Maio de 2011 às 01:36
Fétima,

minha doce amiga,

Agradeço do coração todo o carinho que me dispensas e devolvo com a maior ternura.

Beijinhos mil
Tua amiga que nunca te esquece
Margarida

Comentar post

Visitas

Contador de visitas
Besucherzähler
Contador de visitas

My music

blogs SAPO

arquivos

Abril 2016

Abril 2013

Março 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Agosto 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

posts recentes

SORRI...

Flutuo...

Minha Seara Madura

Abraçada a mim...

Na penumbra

Doce inveja

Silêncio...

Sede

Frutos de Verão

FELIZ ANO NOVO

tags

todas as tags