Segunda-feira, 28 de Setembro de 2009

UM SÓ BEIJO TEU....

 

     

 

Tenho medo

Tenho receio

Que este sentimento

Não se quede pelo meio

E como um rio em leito cheio

Galgue as margens do razoável

Gritando ao mundo a causa provável

Da vontade constante, insaciável

De em ti, corpo e alma perder…

 

Loucura

Paixão

Indescritível emoção

Domina meu sangue

Perco o controlo, já não tenho mão

Tenho medo

Tenho receio

Pavor mesmo de apenas querer

Um só beijo teu e adormecer…

 

publicado por MIGUXA às 14:11
link do post | comentar | ver comentários (21) | favorito
|
Sexta-feira, 25 de Setembro de 2009

DOCE AMOR

 

 

Doce memória…

Suave pensamento…

Intenso sentimento…

Que pela vida nos acompanha

Nos eleva o espírito ao cume da montanha

Nos ampara nas quedas

Nos guia como luz na escuridão

Nos chama à vida e dá a mão

Que existe para nos fazer existir

Se entrega sem pensar

Dá tudo e sorri com um simples olhar

És tu Amor

És Tu Alegria

És tu Arritmia

És tu Sonho

És tu Calmaria

És tu Assim

Em mim

Sou eu Assim

Em ti…

 

 

publicado por MIGUXA às 14:29
link do post | comentar | ver comentários (24) | favorito
|
Domingo, 20 de Setembro de 2009

"DIMENSÃO"

 

Pudesse eu…

E na hora de acordar

Continuaria a sonhar

Tuas mãos no meu rosto

Teus olhos em meu olhar…

 

Pudesse eu…

E o momento transformava

Eternamente agarrava

Essa incrível sensação

De em mim continuares

A luz do Sol igualares

Doce Amor…

Terna Paixão…

 

Pudesse eu…

Jamais o elo quebraria

Nesta ou noutra…

 “Dimensão”

 

publicado por MIGUXA às 18:08
link do post | comentar | ver comentários (29) | favorito
|
Segunda-feira, 14 de Setembro de 2009

SOBRE MIM

Longe…

Tão distante…

E, ainda assim tão perto…

Não vejo, mas sinto …

Minha alma em campo aberto…

 

Debruçada sobre mim…

Em profundo pensamento

Procuro Tua luz e,

Assim…

Alcanço a vida

É o momento

 

tags:
publicado por MIGUXA às 21:42
link do post | comentar | ver comentários (51) | favorito
|
Quinta-feira, 10 de Setembro de 2009

CARTADEAMOR

 

Sei que dizem ser ridículas

Reconheço que racionais não são

Mas o que me vai na alma

Não consigo calar, terna paixão

 

Sabes o quanto te quero

Sem teu amor não sei viver

Longe de ti desespero

Julgo até que vou morrer

 

Carinho volta depressa

Teus beijos me fazem sonhar

Por favor Amor regressa

Em teus braços quero ficar

 

O dia parece-me enorme

As horas custam a correr

Cresce em mim a cada instante

O desejo de te ter…

 

publicado por MIGUXA às 01:27
link do post | comentar | ver comentários (40) | favorito
|
Sábado, 5 de Setembro de 2009

ESPERANDO

 

É madrugada…

Noite de Lua Cheia…

Na varanda do meu quarto, apenas a luz da Lua ilumina os meus passos…

Num vai e vem de ansiedade, as meias e as horas, do sino da igreja, vão ecoando…

E, no silêncio profundo, apenas quebrado pelo esvoaçar desajeitado de um ou outro morcego,

Cerro os olhos e procuro descansar a minha alma insensata…

Por momentos, receio perder-te…

Vejo-te ao longe, de braços abertos, correndo para mim mas,

Não te aproximas, a cada instante, te sinto mais afastado, até te tornares numa simples sombra que se confunde com o manto negro do pinhal,

Grito por ti, sufocada pelo pânico, não me oiço…não me ouves…

O meu coração acelerado, enfraquece e a pouco e pouco, deixo de respirar…

Paro de existir…

É então que sinto os teus lábios doces nos meus…

“Boa noite meu Amor, já cá estou…parecias agitada, desculpa acordar-te…”

Abro os olhos, respiro fundo, enrosco-me em ti e, no teu abraço,

Serenamente adormeço…

 

 

publicado por MIGUXA às 01:52
link do post | comentar | ver comentários (46) | favorito
|
Terça-feira, 1 de Setembro de 2009

SONHAR-TE

 

  

No meu caminho surgiste,

Porta aberta aos meus devaneios de menina,

Sonhos soltos aqui e ali,

Despertares sublimes, únicos,  que a idade nos oferece,

Paixões intensas que partiam corações

Reconstruindo-os

A partir de novos e ardentes sentimentos…

 

Completamente destroçada,

Encontro o amigo que, com mãos de anjo,

Apanha docemente os pedaços de mim,

E com beijos de mel, me ergue entre os braços…

 

 

Pelo caminho, amigo, em amante te tornaste,

Trazendo-me de novo à vida,

A própria vida recuperaste…

 

Atribulado percurso, de mãos dadas…

Afastados, por tentativas frustradas…

Recomeçando como fogo

Reacendido, entre chamas mal apagadas,

Sedentos um do outro,

Tomamo-nos para a vida, para sempre…

 

E como é bom sentir-te,

Querer-te,

Sonhar-te…

 

 

publicado por MIGUXA às 18:19
link do post | comentar | ver comentários (27) | favorito
|

Visitas

Contador de visitas
Besucherzähler
Contador de visitas

My music

blogs SAPO

arquivos

Abril 2016

Abril 2013

Março 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Agosto 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

posts recentes

SORRI...

Flutuo...

Minha Seara Madura

Abraçada a mim...

Na penumbra

Doce inveja

Silêncio...

Sede

Frutos de Verão

FELIZ ANO NOVO

tags

todas as tags