Segunda-feira, 4 de Março de 2013

Silêncio...

 

 

 

Silêncio

Ausência da palavra certa

Vazio imenso

Uma chaga aberta

 

Silêncio

Onde cabe tanto

Ou tão pouco

Um sentimento insano

Pensamento louco

 

Silêncio

Capa dura

Na fragilidade

Insegurança imatura

Madura realidade

 

Silêncio

Grito sufocado

Alma sem rumo

 

Mesmo a teu lado...

 

publicado por MIGUXA às 20:38
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
|
Domingo, 29 de Abril de 2012

Madrugada

 

 

É madrugada

Sem ânimo...exausta....

Nada acontece...

Descansa o corpo

Cama vazia

Gelada

Cerra os olhos...

E, na escuridão do seu espaço

Surge o brilho de um ser em chamas

Força que a arrasta em ondas de prazer

De um mar que quer só seu...

 

Segue seus passos

Na praia que escolheu como sua

 

Sem rosto

Sorriem de luz seus olhos

Para ela apenas...

Lábios de sangue

Percorrem-lhe o corpo

Tocando-lhe a alma

Mãos firmes de vigor

Suaves e doces

São de amor...

Abraços, carícias

Sem fim...

duram horas

Dentro de si...

 

E ao amanhecer

descerra os olhos

tem de ser

 

E nada volta a acontecer...

 

publicado por MIGUXA às 20:03
link do post | comentar | ver comentários (13) | favorito
|
Sábado, 30 de Outubro de 2010

Por ti...

 

 

Sinto faltar-me o fôlego

 

Meu corpo contorce-se de dor

 

Espasmos de desânimo

 

Desnudam-me

 

Prendem-me no fundo do poço

 

Minha alma grita

 

Na esperança que me ouças

 

Me devolvas à vida

 

Me aqueças o coração

 

Me tomes nos braços

 

Me acaricies com teu doce olhar

 

Me digas quão importante sou para ti

 

Preciso sentir que afinal existo

 

Sou um nada neste mundo de solidão

 

Preciso ser amada

 

Por ti viverei

 

Paixão

 

 

 

publicado por MIGUXA às 00:40
link do post | comentar | ver comentários (30) | favorito
|
Sexta-feira, 16 de Julho de 2010

Espera

 

 

 

 

 

 

Sentada

 

No parapeito da janela

 

Recostada em mim

 

Aguardo

 

E

 

O ar vai refrescando

 

O calor sufocante

 

Da espera

 

Mil pensamentos me assolam

 

Olho a escuridão

 

Busco a luz

 

A cada momento

 

Bate em meu peito

 

Estranho pressentimento

 

E

 

Minha alma alvoroçada

 

De tantos dias

 

Em desespero

 

Queda-se triste

 

Por quase nada

 

Sorri

 

Refeita

 

Assim

 

Surgiste...

publicado por MIGUXA às 00:57
link do post | comentar | ver comentários (28) | favorito
|
Domingo, 13 de Abril de 2008

SOLIDÃO

 

Momentos passados que não voltarão jamais

LEMBRANÇA de aventuras inesgotáveis que nos trazem saudade...

 

sinto-me: Tal e qual
música: ALL BY MYSELF
publicado por MIGUXA às 20:44
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Domingo, 16 de Março de 2008

SINDROME DA AUSÊNCIA

 

Como é grande a tua ausência, sinto-a a cada instante ....

 

 

sinto-me: Sozinha
música: Changes -Black Sabath
publicado por MIGUXA às 20:30
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

Visitas

Contador de visitas
Besucherzähler
Contador de visitas

My music

blogs SAPO

arquivos

Abril 2016

Abril 2013

Março 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Agosto 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

posts recentes

Silêncio...

Madrugada

Por ti...

Espera

SOLIDÃO

SINDROME DA AUSÊNCIA

tags

todas as tags