Domingo, 16 de Março de 2008

MEMÓRIAS

 

"Ele afastou o carro para a berma, desligou os faróis e, embora já estivesse tão escuro que ela não conseguia vê-lo, sentiu que o corpo dele se voltava para si. E nada acontecia..

Com uma surpreendente sensação de derrota e desânimo, encostou-se à porta, de olhos fechados, enquanto se interrogava o que poderia dizer ou fazer a seguir.
Então, ele inclinou-se sobre ela e aflorou-lhe os lábios com os seus, e ela descobriu que o desejava como nunca desejara ou supunha ser possível desejar qualquer homem.
O beijo continuou durante o que lhe pareceu um tempo interminável, e apercebeu-se de uma invasão de sensações novas, no interior do seu corpo, na pele, percorrendo-lhe os seios, perpassando-lhe entre as coxas. 
De súbito ele agarrou-a, cingindo-a firmemente, tirou-lhe a roupa e, com um movimento rápido, empurrou-a para trás no banco. Incapaz de protestar e já desesperadamente ansiosa, quando se inclinou sobre ela, ambos aparentemente inconscientes do que faziam, dos sons que produziam, por um espaço de tempo desconhecido.
Fosse qual fosse a duração, não muito grande da primeira vez, mas o que parecia uma eternidade da segunda, ele ainda não dissera uma palavra quando voltaram a vestir-se.  Ela aninhou-se no banco como uma criança abandonada, e ele começou a descer a colina....."
  
sinto-me: Nostálgica
música: Your eyes on me -FF8
publicado por MIGUXA às 18:08
link do post | comentar | favorito
2 comentários:
De dreedlino a 16 de Março de 2008 às 19:57
Tantas vezes amiga as palavras nada valem e vive-se o momento depois...outro dia outro momento.
Beijinhos do Rui e deixa a nostalgia hoje é domingo dia de um cálice de porto e uma bela canção.
De MIGUXA a 16 de Março de 2008 às 20:06
Tens razão mais vale um olhar, um gesto que mil palavras sem qualquer sentido.

Volta sempre, estou aqui

Beijo
Margarida

Comentar post

blogs SAPO

arquivos

Abril 2016

Abril 2013

Março 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Agosto 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

posts recentes

SORRI...

Flutuo...

Minha Seara Madura

Abraçada a mim...

Na penumbra

Doce inveja

Silêncio...

Sede

Frutos de Verão

FELIZ ANO NOVO

tags

todas as tags