Quarta-feira, 10 de Setembro de 2008

AMO-TE TANTO MEU AMOR

+

 

 

Amo-te tanto, meu amor... não cante
O humano coração com mais verdade...
Amo-te como amigo e como amante
Numa sempre diversa realidade

Amo-te afim, de um calmo amor prestante,
E te amo além, presente na saudade.
Amo-te, enfim, com grande liberdade
Dentro da eternidade e a cada instante.

Amo-te como um bicho, simplesmente,
De um amor sem mistério e sem virtude
Com um desejo maciço e permanente.

E de te amar assim muito e a miúde,
É que um dia em teu corpo de repente
Hei de morrer de amar mais do que pude.


Vinicius de Moraes

sinto-me: ENAMORADA
publicado por MIGUXA às 22:37
link do post | comentar | favorito
6 comentários:
De dreedrui a 10 de Setembro de 2008 às 22:56
Do coração ....FELICIDADES...Rui...perdoa
De MIGUXA a 10 de Setembro de 2008 às 23:12
Rui,

Agradeço o teu voto de felicidades e retribuo da mesma forma.

Não entendo, o que há a perdoar???

Sê feliz meu amigo
Jinhos e noite de paz
Margarida
De Fisga a 11 de Setembro de 2008 às 11:48
Olá amiga Miguxa: AMAR: Amar, Amar, Perdidamente, Como deve ser bom.
Da saudosa Florbela Espanca. Um beijo.
De MIGUXA a 11 de Setembro de 2008 às 12:08
Olá Eduardo,

É muito bom mesmo.

Obrigada e volte sempre Jinhos
Margarida
De jangadadecanela a 11 de Setembro de 2008 às 11:58
Morrer de amar... a cada instante...

abraço
Luis
De MIGUXA a 11 de Setembro de 2008 às 12:24
Luis,

Morrer a cada instante mas docemente...
jinhos
margarida

Comentar post

Visitas

Contador de visitas
Besucherzähler
Contador de visitas

My music

blogs SAPO

arquivos

Abril 2016

Abril 2013

Março 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Agosto 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

posts recentes

SORRI...

Flutuo...

Minha Seara Madura

Abraçada a mim...

Na penumbra

Doce inveja

Silêncio...

Sede

Frutos de Verão

FELIZ ANO NOVO

tags

todas as tags