Quinta-feira, 16 de Julho de 2009

POR QUE SIM

 

Pergunto-me ansiosa

Qual a razão de tanto querer

A resposta é deliciosa

É que sem ti não sei viver

 

Devia sentir segurança

Já que vai longo nosso caminho

Mas choro como uma criança

Se me falha um só carinho

 

Por tanto me entregares

Não sei  pedir mais, enfim

Basta o gesto de amares

Basta amor, por que sim...

 

 

publicado por MIGUXA às 01:48
link do post | comentar | favorito
40 comentários:
De Caminhando... a 16 de Julho de 2009 às 08:53
Olá querida!
E o facto de não sentires segurança e "ao fim de um longo caminho" ainda sentires medo e receio, é receio de que não o dás por garantido! E, para a minha jovem cabecinha o verdadeiro amor é assim mesmo! Aquele que não se dá por garantido, mesmo com bastante tempo de união, e em que todos os minutos são aproveitados e valorizados!
Claro que tudo isto leva a uma imensa ansiedade mas, amar é assim mesmo!

Beijinho grande e um
De Caminhando... a 16 de Julho de 2009 às 08:54
Corrijo: na segunda frase "é sinal de que" em vez de "é receio de que"

Outro beijo :)
De MIGUXA a 16 de Julho de 2009 às 16:02
Doce Joana,

E a tua jovem cabecinha pensa e muito bem!!! Sabes que muitas vezes pelo facto de considerarmos que temos garantida a pessoa que amamos, podemos cair em tentação e descuidar pormenores que são muito importantes para o outro. E a rotina instala-se, e sem querermos magoamos. Assim, na hipótese, não doentia claro, de podermos perder o que tanto nos agrada, fazemos tudo para manter viva essa chama...e, todos os pormenores são tidos em consideração.

Beijinhos ternurentos
Margarida
De Joana Maria a 16 de Julho de 2009 às 10:11
está lindo, lindo, lindo! Continua ;)
De MIGUXA a 16 de Julho de 2009 às 16:05
Olá Joana Maria,

Fico feliz pela tua visita e palavras de incentivo.

Volta sempre amiga.

Xi-kor
Margarida
De noitesemfim a 16 de Julho de 2009 às 10:19
Fico pelo último verso
Basta Amor, porque sim
Que alguém tente explicar

Bj
De MIGUXA a 16 de Julho de 2009 às 16:09
Não se explica...
Por que não...
Apenas e simplesmente é assim...

É bom ter-te por cá

Xi-kor
Margarida
De comecardenovopt.blogspot.com a 16 de Julho de 2009 às 15:15
A resposta é sempre complicada..., nunca sabemos porque nos sentimos sempre inseguras mesmo depois de tantos tempo juntos de alguém; acho que é a nossa mania de estarmos sempre a pensar como será o amnhã. Será.., não será? o amor continuará... , será maior..., será menor? É asneira..., não temos que pensar nisso; agora é assim.., é lindo..., estamos felizes..., amanhã se verá...; não sabemos sequer se haverá amanhã...; amanhã eu serei uma pessoaa diferente..., tu não serás igual.., o teu amor não será de certeza o mesmo. A cada dia que acaba e um novo começa, ninguém é mais o mesmo.., nada é igual.., tudo está em constante transformação. Portanto há que aprender a viver o aqui e agora sem medo do amanhã
Basta o amor de hoje, o dia de hoje, os gestos de hoje..; porquê? Porque sim. Beijinhos, Margarida e mais uma vez os meus parabéns.
Emília
De MIGUXA a 16 de Julho de 2009 às 16:17
Emília,

Por muito que queiramos evitar e ainda que tenhamos a certeza quase absoluta, surgem sempre momentos em que se pensa será que o que sinto tem correspondência efectiva? É humano! O ser humano é frágil, sujeito a estados de espírito variáveis, daí, por vezes alguma insegurança.

Beijinho amiga
Margarida
De 100timento a 16 de Julho de 2009 às 15:30
O amor teu amiga
abre-se em pétalas de margaridas
com rouxinóis,
no seu canto imorredouro
através do jardim
que sente teus passos
na sofreguidão dos tempos.

Beijinho grande do amigo sempre ...sempre rui
De MIGUXA a 16 de Julho de 2009 às 16:21
Rui,

Palavras lindas as tuas, meu doce amigo.

Tudo de bom para ti, um dia cheio de sol, muita alegria e paz de espírito.

Beijo e Xi-kor bem apertado
Margarida
De cuidandodemim a 16 de Julho de 2009 às 18:44
Quem está "habituada" ao amor não se consegue desabituar. Quer sempre mais e mais... E quando há bastante não há que poupar!
Bjns
De MIGUXA a 16 de Julho de 2009 às 23:59
Miguinha,

Poupar é bonito mas, no que respeita ao amor, toca a esbanjar

Uma noite de sonhos lindos!

Beijinhos carinhosos
Margarida
De Sheila a 16 de Julho de 2009 às 23:58
Doçura linda :)
Um texto delicioso e lindo lindo lindo!
O Amor alimenta-nos e faz-nos mover, viver, vibrar, brilhar e amar. Sentimos no coração um aperto quando nos falta, quando bate aquela insegurança, mesmo que momentanea. Como qualquer planta ou flor também o amor tem que ser regado, tem que ser mimado e cuidado. Nada na vida é para sempre, mas momentos e alentos de amor vivem para sempre no nosso coração e como precisamos deles para viver e dar o melhor de nós!
Minha querida, adoro ler-te, fazes-me sorrir e sentir um alento imenso no meu coração!
Beijos doces e muito ternos para ti minha querida e linda amiga
De MIGUXA a 17 de Julho de 2009 às 00:11
Sheila,

Minha querida amiga, cada troca de palavras e comentários entre nós me convence mais e mais que temos imensas afinidades

É bom receber mimos e tu sabes como fazê-lo e deixas-me muito feliz.

Noite de sonhos lindos

Beijinhos carinhosos e xi-kor bem apertado
Margarida
De *FreeStyle* a 17 de Julho de 2009 às 07:54
E porque não?!?!?! hammmm?!?!?!


Bêjuuuuuusss.....frágeis and with Style
De MIGUXA a 17 de Julho de 2009 às 11:53
Hammmmm?!?!?!

Porque sim lolol

Bêjuuuuuus e xi-kor apertado with Style-frágil

Margarida
De M.Luísa Adães a 17 de Julho de 2009 às 10:08
Miguxa

Adorei o teu estar e o que escreves;

adorei encontrar-te no meu "Adorar";

adorei esse dizer "Sim"...

Beijos,

Mª. Luísa
De MIGUXA a 17 de Julho de 2009 às 11:55
Maria Luísa,

És especial, és poeta, és sensível, Adorei...

Beijinho
Margarida
De M.Luísa Adães a 17 de Julho de 2009 às 19:19

Sou especial, sou poeta!...

Tu o dizes e eu vou acreditar em ti,

mas adorei esse dizer "Sim"...

Obrigada por responderes!

Bºs. Mª. Luísa
De Laurie a 17 de Julho de 2009 às 11:04
Lindo ^^
De MIGUXA a 17 de Julho de 2009 às 11:59
Laurie,

Obrigada jóia, volta sempre.

Xi-kor
Margarida

Comentar post

Visitas

Contador de visitas
Besucherzähler
Contador de visitas

My music

blogs SAPO

arquivos

Abril 2016

Abril 2013

Março 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Agosto 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

posts recentes

SORRI...

Flutuo...

Minha Seara Madura

Abraçada a mim...

Na penumbra

Doce inveja

Silêncio...

Sede

Frutos de Verão

FELIZ ANO NOVO

tags

todas as tags